Modo de Ver

HOME   /   MODO DE VER   /   O TRABALHO ESTÁ MUDANDO

A coluna "Modo de Ver" foi publicada semanalmente no jornal Correio de Uberlândia de janeiro de 1996 a dezembro de 2016. A partir de 2017, os textos passaram a ser publicados no Diário do Comércio de Uberlândia.


4 Comentários  
378 Visualizações  
21 de Outubro de 2015 Alexandre Henry

O trabalho está mudando

O teletrabalho, ou trabalho em casa, é um caminho sem volta para as profissões que não exigem a presença física do trabalhador na empresa. Por quê? Cito meu caso. Quando eu morava em São Paulo, isso ainda na década de 1990, eu gastava cerca de uma hora e meia para ir da minha casa até o trabalho usando ônibus e metrô. No fim do dia, a mesma coisa. Às vezes, eu perdia quase a metade do tempo que gastaria para fazer a viagem de Uberlândia a São Paulo só me deslocando dentro da própria cidade de São Paulo para ir e voltar do trabalho. Se eu pudesse trabalhar em casa, provavelmente eu ficaria muito mais feliz e não perderia tanto tempo à toa. Além disso, eu não gastaria com transporte, não contribuiria para mais veículos nas ruas e também poderia produzir mais e mais rápido.

Nas pequenas cidades, esses ganhos diários não são tão percebidos porque os deslocamentos são menores e as pessoas não perdem tanto tempo para ir de casa para o trabalho. Mas, ainda que essas vantagens não sejam tão grandes nas pequenas cidades, o fato de o empregador não se preocupar em ter uma estrutura para abrigar o seu funcionário é um ponto muito positivo, porque proporciona uma economia gigantesca. Na maioria dos trabalhos de escritório, por exemplo, o funcionário gasta mesa, cadeira, computador e muitos outros objetos, além de energia e água da empresa, sem contar os custos de transporte e alimentação. Mas, e quando o trabalhador faz o seu serviço em casa? Esses custos simplesmente desaparecem. Ainda que o empregador custeie parte das despesas que empregado tem em casa, no final das contas, a prestação de serviços vai sair muito mais barata para esse empregador.

É claro que o trabalho em casa tem a suas desvantagens, além de não ser recomendado para todo mundo. Há pessoas que não produzem se não estiverem em um ambiente propício e outras não produzem se não estiverem sob os olhos do chefe. Outra questão importante é o prejuízo para a socialização das pessoas. Trabalhar em casa é uma forma de se isolar e isso não é bom. Quantas relações sociais não dependem de uma convivência diária no trabalho?

De toda forma, eu acredito que isso não será impedimento a essa mudança de paradigma nas relações de trabalho. O tempo que as pessoas economizarão evitando o deslocamento até o trabalho certamente será utilizado em outras atividades também socializantes, com lazer e academia. Em resumo, eu acredito que o trabalho em casa é uma tendência que vai se consolidar cada vez mais, vai permitir uma melhor qualidade de vida e, se pode trazer problemas na parte social, tais problemas podem ser contornados por uma convivência em outros ambientes que não o de trabalho.

Alexandre Henry

Avalie o texto:

Comentários

  1. zTdBTREOP

    23 de Dezembro de 2016 às 04:51

    Purchase Facebook Fans & Likes From Social Vulture At Cheap prices. Obtain Twitter foowrlels, genuine facebook likes & youtube views, Pinterest Followers and boost your online presence

  2. LZGavh9I

    24 de Dezembro de 2016 às 10:58

    I had no idea how to approach this <a href="http://maxbhhyd.com">bef-eronow</a> I'm locked and loaded.

  3. 4KeqPhilkH

    25 de Dezembro de 2016 às 17:24

    Articles like this really grease the shafts of kneelwdgo. http://disfnuas.com [url=http://dznfky.com]dznfky[/url] [link=http://ydaidgj.com]ydaidgj[/link]

  4. 1sQRjYRC1w

    27 de Dezembro de 2016 às 01:39

    You've got it in one. <a href="http://admnkxhq.com">Co'nuldt</a> have put it better.

Envie seu comentário

Seu email não será exibido.*