Antônio Pereira

HOME   /   ANTÔNIO PEREIRA
0 Comentários  
31 de Março de 2017 Antônio Pereira

Dona Olívia

Era filha do Domingos Antônio Calábria e sobrinha do Américo Zardo. Elvira, sua mãe, era irmã da Corina, mulher do Américo. Seu pai era maçom. Morreu com câncer na garganta. Ela estava com dezesseis anos. Poucos dias depois, quatro maçons foram à sua casa. Ela estava na cozinha, lavando pratos, com as mãos cheias de sabão. Os homens, todos de ...

Ler texto

0 Comentários  
31 de Março de 2017 Antônio Pereira

A volta do boêmio

- Mas... depois de velho?...

Almerinda não entendia seu Joãozinho. De uns tempos para cá, só chegava à casa de madrugada, bêbado, conversando demais, alegre (ainda bem), todo sorrisos, querendo beijar a velha que se esquivava e reprovava:

- Deixa de ser sem vergonha, Joãozinho. Onde é que você esteve? Fazendo o que?

- Ora, minha velha...

Abraçava-a envolvendo-a no bafo alcoólico. Se ...

Ler texto

0 Comentários  
20 de Março de 2017 Antônio Pereira

Maçonaria centenária

Naqueles idos de 1896, São Pedro de Uberabinha era do tamanho de seus atuais distritos. Ou menor. Há apenas oito anos emancipara-se deixando de ser distrito de Uberaba. O grande melhoramento era a linha da Mogiana, chegada no ano anterior, cuja pequenina estação ficava lá em cima, no meio do cerrado (hoje, praça Sérgio Pacheco). Chegava-se lá por trilhas no ...

Ler texto

Simeão era um moreno forte, semianalfabeto e com pouca disposição para o trabalho. Conseguira, com sorte, um lugarzinho no serviço de limpeza de uma companhia de transportes, na avenida Presidente Wilson, do lado da Mooca. Isso foi há doze anos. Manejava a vassoura com a característica lentidão com que fazia tudo, o que lhe valeu o apelido de Simeão Ponto ...

Ler texto

Várias pessoas já viram a assombração da avenida Central da Martinésia. Um jovem foi a uma fazenda próxima assistir televisão. Quando voltou, tarde da noite, que entrou na avenida Central, escutou o pisado de um animal. Voltou-se para ver quem era, porque o povo do lugar andava muito a cavalo, era um burrão bonito, com um senhor de cor montado ...

Ler texto

0 Comentários  
22 de Fevereiro de 2017 Antônio Pereira

Antigos costumes

A família Bino da Rocha formou-se, aqui, em Uberabinha, com o Justiniano da Silva Pereira Bino e dona Maria Constança de Novaes Bino que se tinham casado em Patrocínio. Moraram uns tempos em Uberaba e aqui chegaram nos finais de 1885 já com quatro filhos: Joana Joanita, Rita, Agenor e Thereza. Aqui tiveram mais filhos. Na formação da família juntou-se ...

Ler texto

0 Comentários  
20 de Fevereiro de 2017 Antônio Pereira

Renato de Freitas

Renato nasceu em Uberlândia, no dia 21 de maio de 1927, filho de Elpídio Aristides de Freitas e Clarinda de Freitas. Fez seus cursos fundamentais em Uberlândia e o curso médio no Rio de Janeiro, no Colégio Andrews. Formou-se engenheiro civil em 1949 pela Escola Politécnica do Rio de Janeiro e bacharelou-se em direito em 1965 pela Faculdade de Direito ...

Ler texto

0 Comentários  
11 de Fevereiro de 2017 Antônio Pereira

Bêbado imitando bêbado

Por Uberlândia passaram grandes talentos. Alguns louvados até hoje, outros, esquecidos, como o humorista do rádio e cinema, Badu, o grande radialista Moraes Sarmento, o político Carlos Lacerda (que namorou a filha do agente da Mogiana), o produtor de rádio e TV, Aloísio Silva Araújo. Este foi grande produtor, criador dos famosos programas paulistas Recruta Vinte e Três e Cadeira ...

Ler texto

0 Comentários  
11 de Fevereiro de 2017 Antônio Pereira

A conta de luz

A mulher abre a porta e a sombra das saliências dançam no seu rosto sem destruir as marcas da mágoa.

Os dois olhares são duros. A labareda parece um macarrão molhado. Vai despencar, de repente, da inquietação da luz. Ele entra. Não trocam palavra. Senta-se à mesa e espera o jantar.

- Não vai se lavar?

As palavras caem como pedras ...

Ler texto

A Livre Escolha foi um sistema assistencial médico que prenunciava um atendimento de Primeiro Mundo, mas que infelizmente durou pouco.

A partir da Assembléia Geral da Sociedade Médica de Uberlândia, realizada no dia 20 de junho de 1957, os médicos iniciaram um movimento, a princípio em âmbito restrito, mas que ganhou o país marcando mais um ponto para o pioneirismo ...

Ler texto